Recent Posts

, ,

A alimentação dos adolescentes

as necessidades de nutrientes aumentam entre 11 e 18 anos de idades.

A alimentação dos adolescentes 2
A alimentação dos adolescentes para sua saúde.
A alimentação dos adolescentes: as necessidades de nutrientes aumentam entre 11 e 18 anos de idades. Com lanches e fazer regimes sem supervisão de um especialista. para melhorar a alimentação, o ideal é evitar, durante a semana, os pratos prontos, como salgadinhos e doces, e investir em uma refeição completa, composta por carboidratos arroz ou massa, legumes, verduras e um tipo de carne.

A alimentação dos adolescentes para saúde


O tradicional ' arroz, feijão, bife e salada' vai muito bem nesse período. E quanto mais colorido for o prato, melhor. Os nutrientes são necessários não só pro adolescente ter disposição, mas para seu desenvolvimento mental e intelectual adequada.

A transição para a vida adulta 

A puberdade começa mais cedo nas meninas, entre 11 e os 14 anos, e costuma aparecer entre os 12 e os 15 anos nos meninos. em geral, as meninas passam por um período de crescimento rápido no início da transformação já nos meninos, o crescimento só é alavancado depois que o desenvolvimento sexual está mais avançado.

Entrar na adolescência aumenta as demandas por energia e nutrientes para sustentar esse crescimento veloz. E essas são ainda maiores nos adolescentes fisicamente ativos.
Nas meninas saudáveis a menarca ( primeira menstruação) costuma aparecer um ano depois do início do pico de crescimento. Daí em diante, a medida que menstruam, mais ferro e mai proteína se tornam indispensáveis, assim como outros sais minerais associados ao desenvolvimento acelerado.
Quanto aos meninos, então na puberdade, ganham mais massa muscular e também precisam de mais proteína, calorias, vitaminas e sais minerais adicionais, com exceção do ferro.

Riscos de deficiências
O adolescente que não se alimenta bem, corre risco de apresentar deficiência de várias vitaminas e sais minerais,  especialmente cálcio e ferro. As grandes exigências de cálcio surgem na infância, quando se dá o primeiro pico de crescimento, e na adolescência. Esse mineral é importante para os adolescentes - 1000 mg por dia para eles, 800 mg para elas - para que os ossos cresçam  bem e fortes. Os processos ósseos são promovidos pela mudança hormonais relacionadas a puberdade e ao pico de crescimento a ela associado.

Prevenir o excesso de peso

Eles tem fácil acesso aos alimentos altamente calóricos e á fast food. E não raro privilegiam atividades sedentárias, como ver TV e usar computador . Em consequência, podem ganhar peso. Adolescentes obesos são fortes candidatos a ter pressão alta e diabete. É imprescindível que os pais zelem pela saúde de seus filhos, estabelecendo com toda a família um compromisso firme de comer saudavelmente, limitar o consumo " calorias vazias " e levar uma vida fisicamente mais ativa.                  
Mais informação para você:

Top Ad 728x90